depressão

Setembro Amarelo: boa alimentação é um reforço para a saúde mental

Alimentação · 07 set, 2022

Manter o corpo e a mente em equilíbrio é fundamental no tratamento da depressão. E alimentar-se bem é uma parte importante nesse processo. Usufruir de um cardápio balanceado e com variedade de alimentos que sejam fonte de nutrientes, vitaminas e […]


Setembro Amarelo: boa alimentação é um reforço para a saúde mental

Alimentação · 07 set, 2022

Manter o corpo e a mente em equilíbrio é fundamental no tratamento da depressão. E alimentar-se bem é uma parte importante nesse processo. Usufruir de um cardápio balanceado e com variedade de alimentos que sejam fonte de nutrientes, vitaminas e […]

O que você come pode te deixar deprimido, alerta nutricionista

Alimentação · 24 ago, 2022

Artigo publicado em 12 de julho no Neurology Journals, jornal científico da Academia Americana de Neurologia, colocou a alimentação saudável e a prática de atividades físicas como dois dos pilares essenciais para a saúde do cérebro. A conexão entre o que […]


O que você come pode te deixar deprimido, alerta nutricionista

Alimentação · 24 ago, 2022

Artigo publicado em 12 de julho no Neurology Journals, jornal científico da Academia Americana de Neurologia, colocou a alimentação saudável e a prática de atividades físicas como dois dos pilares essenciais para a saúde do cérebro. A conexão entre o que […]

Setembro amarelo: os benefícios da atividade física contra a depressão

Bem Estar · 13 set, 2021

A depressão afeta mais de 320 milhões de pessoas no mundo, ou seja, 4,4% da população, segundo relatório divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2018. Ainda conforme a organização, o Brasil é responsável pela maior taxa da doença […]


Setembro amarelo: os benefícios da atividade física contra a depressão

Bem Estar · 13 set, 2021

A depressão afeta mais de 320 milhões de pessoas no mundo, ou seja, 4,4% da população, segundo relatório divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2018. Ainda conforme a organização, o Brasil é responsável pela maior taxa da doença […]

Setembro Amarelo: entenda a relação entre o consumo excessivo de açúcar e a depressão

Alimentação · 04 set, 2020

Cada vez mais em destaque diante do aumento de casos nos tempos de pandemia, a depressão volta à cena neste mês por conta do Setembro Amarelo. Com várias iniciativas, a campanha serve para a conscientização dos perigos que envolvem a […]


Setembro Amarelo: entenda a relação entre o consumo excessivo de açúcar e a depressão

Alimentação · 04 set, 2020

Cada vez mais em destaque diante do aumento de casos nos tempos de pandemia, a depressão volta à cena neste mês por conta do Setembro Amarelo. Com várias iniciativas, a campanha serve para a conscientização dos perigos que envolvem a […]

Pilates é aliado importante na manutenção da saúde mental

Bem Estar · 13 jan, 2020

Doença psiquiátrica mais comum entre os brasileiros, a depressão já atinge 12 milhões de pessoas no país, o que equivale a 5,8% da população. Os dados, apurados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), também apontam o Brasil como o país […]


Pilates é aliado importante na manutenção da saúde mental

Bem Estar · 13 jan, 2020

Doença psiquiátrica mais comum entre os brasileiros, a depressão já atinge 12 milhões de pessoas no país, o que equivale a 5,8% da população. Os dados, apurados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), também apontam o Brasil como o país […]

4 maneiras diferentes com que a corrida pode estimular o seu cérebro

Corrida · 22 out, 2019

Correr é uma prática em alta no mundo esportivo. Além de contribuir para o condicionamento físico e melhora da capacidade cardiorrespiratória, a corrida pode estimular a produção de hormônios. São eles os neurotransmissores, como a serotonina, a endorfina, a dopamina […]


4 maneiras diferentes com que a corrida pode estimular o seu cérebro

Corrida · 22 out, 2019

Correr é uma prática em alta no mundo esportivo. Além de contribuir para o condicionamento físico e melhora da capacidade cardiorrespiratória, a corrida pode estimular a produção de hormônios. São eles os neurotransmissores, como a serotonina, a endorfina, a dopamina […]

Você já teve depressão pós prova?

Corrida de Montanha · 17 nov, 2017

Você estabeleceu uma meta, planejou cada quilômetro percorrido, treinou centenas de vezes por vários meses, se absteve de festas e convívio social para manter a planilha. Acordou cedo, dormiu tarde, negou aquela cervejinha no final do dia, deixou a família […]


Você já teve depressão pós prova?

Corrida de Montanha · 17 nov, 2017

Você estabeleceu uma meta, planejou cada quilômetro percorrido, treinou centenas de vezes por vários meses, se absteve de festas e convívio social para manter a planilha. Acordou cedo, dormiu tarde, negou aquela cervejinha no final do dia, deixou a família […]

Corra para aliviar a depressão

Atletismo · 20 mar, 2007

A depressão é uma doença que tem se tornado comum entre os brasileiros. Seus sintomas vão de crises de choro a dores no estômago. O quadro dessa doença é muito variável, o que dificulta seu diagnóstico. Mas podemos afirmar uma coisa: independente do caso, correr é um dos melhores remédios.

Todo mundo já se sentiu triste alguma vez. Seja por ter perdido o emprego, ter brigado com o (a) namorado (a) ou porque o time do coração perdeu aquele título tão esperado. Até aí, normal. Só que tem gente que sente isso quase que diariamente. É então que deixa de ser um simples estado depressivo e passa a ser uma patologia.

“A depressão é um transtorno do humor. A pessoa em depressão reage de forma inadequada a questões afetivas, por exemplo. Na vida, uma hora ganhamos, na outra, perdemos. O depressivo acha que só perde”, explica o médico do esporte, Dr. Renato Romani.

É aí que entra em cena a prática de exercício físico. Segundo o Dr. Romani, a corrida é um coadjuvante importante no tratamento dessa doença. “O papel da corrida é auxiliar no tratamento da depressão. Com o auxílio dela, posso diminuir a dose de um remédio, mas não tirá-lo totalmente”.

Esse é um dos objetivos do antidepressivo, aumentar a produção desse hormônio. Quando corremos, nosso corpo libera um nível maior da serotonina, que é mais conhecido como o hormônio do humor, aquele que nos dá uma sensação de prazer, como quando comemos chocolate. Mas além do lado físico, tem também a contribuição do exercício para o lado psicológico. A corrida aumenta a auto-estima, mostra para o atleta que ele é capaz, ou seja, isso lhe estimulará a correr cada vez mais.

A eficácia da corrida é tão grande, que a Associação Médica Americana receita, como um remédio, a prática da mesma. “Como quem corre segue uma planilha, quanto mais cansativa a carga, melhor para a depressão”, afirma o médico.

Um dos fatores que mais desencadeiam a depressão é o estresse, principalmente nas cidades grandes. Por isso, aí vai uma dica do doutor: “temos que conviver com o estresse de viver”, que tal fazer isso com mais prazer?


Corra para aliviar a depressão

Atletismo · 20 mar, 2007

A depressão é uma doença que tem se tornado comum entre os brasileiros. Seus sintomas vão de crises de choro a dores no estômago. O quadro dessa doença é muito variável, o que dificulta seu diagnóstico. Mas podemos afirmar uma coisa: independente do caso, correr é um dos melhores remédios.

Todo mundo já se sentiu triste alguma vez. Seja por ter perdido o emprego, ter brigado com o (a) namorado (a) ou porque o time do coração perdeu aquele título tão esperado. Até aí, normal. Só que tem gente que sente isso quase que diariamente. É então que deixa de ser um simples estado depressivo e passa a ser uma patologia.

“A depressão é um transtorno do humor. A pessoa em depressão reage de forma inadequada a questões afetivas, por exemplo. Na vida, uma hora ganhamos, na outra, perdemos. O depressivo acha que só perde”, explica o médico do esporte, Dr. Renato Romani.

É aí que entra em cena a prática de exercício físico. Segundo o Dr. Romani, a corrida é um coadjuvante importante no tratamento dessa doença. “O papel da corrida é auxiliar no tratamento da depressão. Com o auxílio dela, posso diminuir a dose de um remédio, mas não tirá-lo totalmente”.

Esse é um dos objetivos do antidepressivo, aumentar a produção desse hormônio. Quando corremos, nosso corpo libera um nível maior da serotonina, que é mais conhecido como o hormônio do humor, aquele que nos dá uma sensação de prazer, como quando comemos chocolate. Mas além do lado físico, tem também a contribuição do exercício para o lado psicológico. A corrida aumenta a auto-estima, mostra para o atleta que ele é capaz, ou seja, isso lhe estimulará a correr cada vez mais.

A eficácia da corrida é tão grande, que a Associação Médica Americana receita, como um remédio, a prática da mesma. “Como quem corre segue uma planilha, quanto mais cansativa a carga, melhor para a depressão”, afirma o médico.

Um dos fatores que mais desencadeiam a depressão é o estresse, principalmente nas cidades grandes. Por isso, aí vai uma dica do doutor: “temos que conviver com o estresse de viver”, que tal fazer isso com mais prazer?