add

Corrida pela Paz tem preocupação com deficientes

Corridas de Rua · 02 set, 2008

No próximo dia 14 acontece em São Paulo a sétima edição da Corrida Pela Paz, evento que tem como objetivo disseminar as metas do milênio definidas pela ONU (Organização das Nações Unidas) para melhorar a vida em sociedade. Além disso, a prova firmou uma parceria com a ADD (Associação Desportiva para Deficientes) para facilitar a participação de atletas com deficiência.

A competição terá fiscalização, controle e certificação dos critérios e graus de deficiência dos participantes. A ADD estará presente na entrega de kits, na largada e na chegada, onde haverá áreas exclusivas para esses corredores, que contarão com apoio de monitores especializados.

Outro benefício será a isenção da taxa de inscrição e uma premiação com medalhas e troféus a ser realizada no pódio adaptado. Os atletas poderão escolher entre o percurso de oito quilômetros para a corrida ou três para a caminhada, com largada e chegada em frente à sede da Amcham (Câmara Americana de Comércio), na Rua da Paz, esquina com Rua Antônio de Oliveira.

Mais novidades - Além de benefícios aos deficientes, a prova traz outra novidade, o transporte solidário. Dois atletas inscritos que utilizarem o mesmo carro para chegar ao local da largada, terão direito a estacionamento gratuito. Para ter direito ao benefício, é necessário retirar um vaucher durante a entrega de kits, no dia 13 das 9h às 17 horas, na Ancham (Rua da Paz, 1431 – Chácara Santo Antonio).

Os “oito jeitos de mudar o mundo” definidos pela ONU são as seguintes: km 1- Acabar com a fome e a miséria; km 2- Educação básica de qualidade para todos; km 3- Igualdade entre os sexos e valorização da mulher; km 4- Reduzir a mortalidade infantil; km 5- Melhorar a saúde das gestantes; km 6- Combater a Aids, a malária e outras doenças; km 7- Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente; e km 8- Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.

Os interessados em participar do evento podem se inscrever até o dia 10 de setembro, mediante investimento de R$ 30 no site oficial da competição, o www.corridapelapaz.com.br. O limite de participantes é de 2.500 na corrida e mil na caminhada.


Corrida pela Paz tem preocupação com deficientes

Corridas de Rua · 02 set, 2008

No próximo dia 14 acontece em São Paulo a sétima edição da Corrida Pela Paz, evento que tem como objetivo disseminar as metas do milênio definidas pela ONU (Organização das Nações Unidas) para melhorar a vida em sociedade. Além disso, a prova firmou uma parceria com a ADD (Associação Desportiva para Deficientes) para facilitar a participação de atletas com deficiência.

A competição terá fiscalização, controle e certificação dos critérios e graus de deficiência dos participantes. A ADD estará presente na entrega de kits, na largada e na chegada, onde haverá áreas exclusivas para esses corredores, que contarão com apoio de monitores especializados.

Outro benefício será a isenção da taxa de inscrição e uma premiação com medalhas e troféus a ser realizada no pódio adaptado. Os atletas poderão escolher entre o percurso de oito quilômetros para a corrida ou três para a caminhada, com largada e chegada em frente à sede da Amcham (Câmara Americana de Comércio), na Rua da Paz, esquina com Rua Antônio de Oliveira.

Mais novidades - Além de benefícios aos deficientes, a prova traz outra novidade, o transporte solidário. Dois atletas inscritos que utilizarem o mesmo carro para chegar ao local da largada, terão direito a estacionamento gratuito. Para ter direito ao benefício, é necessário retirar um vaucher durante a entrega de kits, no dia 13 das 9h às 17 horas, na Ancham (Rua da Paz, 1431 – Chácara Santo Antonio).

Os “oito jeitos de mudar o mundo” definidos pela ONU são as seguintes: km 1- Acabar com a fome e a miséria; km 2- Educação básica de qualidade para todos; km 3- Igualdade entre os sexos e valorização da mulher; km 4- Reduzir a mortalidade infantil; km 5- Melhorar a saúde das gestantes; km 6- Combater a Aids, a malária e outras doenças; km 7- Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente; e km 8- Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.

Os interessados em participar do evento podem se inscrever até o dia 10 de setembro, mediante investimento de R$ 30 no site oficial da competição, o www.corridapelapaz.com.br. O limite de participantes é de 2.500 na corrida e mil na caminhada.

Inscrição para Meia da Corpore beneficia ADD

Meia Maratona · 28 mar, 2008

No dia 13 de abril acontece a Meia Maratona Cidade de São Paulo Corpore, prova que este ano terá parte do valor das inscrições revertido para a ADD, Associação Desportiva para Deficientes. A instituição, sem fins lucrativos, promove o desenvolvimento da pessoa com deficiência por meio do esporte adaptado, educação e de cursos de capacitação.

No momento da inscrição, os atletas poderão contribuir com R$ 5; R$ 10, ou outros valores para a entidade. Outra forma de ajudar é através da inscrição VIP, que dá direito a uma tenda especial em local privilegiado da arena, café da manhã, massagistas, guarda-volumes e banheiros diferenciados, estacionamento com traslado para a prova, entre outras comodidades. O valor da entrada VIP é R$ 300 e toda a arrecadação será revertida para a ADD.

A prova conta com a chancela da Aims (Associação Internacional de Maratonas e Corridas de Longa Distância) e da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), além de fazer parte do Calendário Oficial de Datas e Eventos do Município de São Paulo. Todos os que completarem receberão medalha de participação e camiseta alusiva ao evento.

A premiação este ano está farta, já que haverá montante em dinheiro para os PNEs (Portadores de Necessidades Especiais), que pode chegar a R$ 63 mil líquidos. Também será oferecido um bônus de dois mil reais para ao primeiro colocado que superar o recorde da prova, de 1h03min37 para os homens e 1h15min04 para as mulheres.

As inscrições ainda estão abertas e custam R$ 30 para associados da Corpore e R$ 40 para não associados, através do site oficial da organização, o www.corpore.org.br.


Inscrição para Meia da Corpore beneficia ADD

Meia Maratona · 28 mar, 2008

No dia 13 de abril acontece a Meia Maratona Cidade de São Paulo Corpore, prova que este ano terá parte do valor das inscrições revertido para a ADD, Associação Desportiva para Deficientes. A instituição, sem fins lucrativos, promove o desenvolvimento da pessoa com deficiência por meio do esporte adaptado, educação e de cursos de capacitação.

No momento da inscrição, os atletas poderão contribuir com R$ 5; R$ 10, ou outros valores para a entidade. Outra forma de ajudar é através da inscrição VIP, que dá direito a uma tenda especial em local privilegiado da arena, café da manhã, massagistas, guarda-volumes e banheiros diferenciados, estacionamento com traslado para a prova, entre outras comodidades. O valor da entrada VIP é R$ 300 e toda a arrecadação será revertida para a ADD.

A prova conta com a chancela da Aims (Associação Internacional de Maratonas e Corridas de Longa Distância) e da CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), além de fazer parte do Calendário Oficial de Datas e Eventos do Município de São Paulo. Todos os que completarem receberão medalha de participação e camiseta alusiva ao evento.

A premiação este ano está farta, já que haverá montante em dinheiro para os PNEs (Portadores de Necessidades Especiais), que pode chegar a R$ 63 mil líquidos. Também será oferecido um bônus de dois mil reais para ao primeiro colocado que superar o recorde da prova, de 1h03min37 para os homens e 1h15min04 para as mulheres.

As inscrições ainda estão abertas e custam R$ 30 para associados da Corpore e R$ 40 para não associados, através do site oficial da organização, o www.corpore.org.br.

Atletas da ADD participam do Troféu Brasil

Triathlon · 13 mar, 2008

Alguns atletas da ADD (Associação Desportiva para Deficientes) vão disputar a etapa de abertura do Troféu Brasil de Triathlon, competição que será realizada neste domingo na cidade de Santos. Paulo de Almeida, Fernando Aranha e Diego Madeira ganharam isenção do valor da inscrição e serão os representantes da entidade na prova.

“O treinamento está intenso e os atletas são novos na modalidade, mas estão adquirindo experiência com o treinamento intensivo”, ressalta o representante técnico dos atletas, Mário Mello. Segundo ele, é a primeira vez que a ADD entra no Troféu com um número expressivo de participantes.

“Tenho treinado com nossa assessoria todas as terças, quintas e sábados na USP e nos outros dias treino sozinho, estou desenvolvendo uma boa forma física e este ano vou atrás de resultados”, acredita Fernando Aranha. Ele costumava jogar basquete em cadeira de rodas e, após migrar para o atletismo já faturou três vezes a São Silvestre.


Atletas da ADD participam do Troféu Brasil

Triathlon · 13 mar, 2008

Alguns atletas da ADD (Associação Desportiva para Deficientes) vão disputar a etapa de abertura do Troféu Brasil de Triathlon, competição que será realizada neste domingo na cidade de Santos. Paulo de Almeida, Fernando Aranha e Diego Madeira ganharam isenção do valor da inscrição e serão os representantes da entidade na prova.

“O treinamento está intenso e os atletas são novos na modalidade, mas estão adquirindo experiência com o treinamento intensivo”, ressalta o representante técnico dos atletas, Mário Mello. Segundo ele, é a primeira vez que a ADD entra no Troféu com um número expressivo de participantes.

“Tenho treinado com nossa assessoria todas as terças, quintas e sábados na USP e nos outros dias treino sozinho, estou desenvolvendo uma boa forma física e este ano vou atrás de resultados”, acredita Fernando Aranha. Ele costumava jogar basquete em cadeira de rodas e, após migrar para o atletismo já faturou três vezes a São Silvestre.

Equipe ADD busca o penta na São Silvestre

Corridas de Rua · 21 dez, 2007

No próximo dia 31 a equipe da Associação Desportiva para Deficientes (ADD) participará da Corrida de São Silvestre de olho no quinto título da competição paulista. Estão inscritos Fernando Aranha, na categoria cadeirantes, e o maratonista Ronilson Bispo dos Santos, o caçula do grupo.

De acordo com o treinador da ADD, Mário Mello, o trio está mais do que pronto para o último desafio do ano. “Todos eles estão com um ótimo preparo físico e com certeza vão estar na disputa pelo primeiro lugar”. A entidade participa da competição desde 1999, ocasião em que Aranha, então jogador de basquete em cadeira de rodas, resolveu encarar os 15 quilômetros e faturou o primeiro posto. A partir daí ele não parou mais e venceu em 2002; 2003 e 2006.

A novidade deste ano é a participação de Ronílson, conhecido como índio pelos amigos, que debutará na tradicional prova usando um uhandcycle, triciclo onde o atleta deficiente utiliza as mãos para se locomover. O equipamento foi trazido dos Estados Unidos pela ADD em parceria com a Merrill Lynch e foi utilizado pela primeira vez na Prova Sargento Gonzaguinha, no último domingo (16).

"Será uma grande emoção. Para me preparar ainda mais, vou correr a 10k Rio 2007, nesse domingo, dia 23 de dezembro", conta o atleta que sofreu uma amputação em um dos membros superiores. A largada dos cadeirantes acontecerá às 15h15.


Equipe ADD busca o penta na São Silvestre

Corridas de Rua · 21 dez, 2007

No próximo dia 31 a equipe da Associação Desportiva para Deficientes (ADD) participará da Corrida de São Silvestre de olho no quinto título da competição paulista. Estão inscritos Fernando Aranha, na categoria cadeirantes, e o maratonista Ronilson Bispo dos Santos, o caçula do grupo.

De acordo com o treinador da ADD, Mário Mello, o trio está mais do que pronto para o último desafio do ano. “Todos eles estão com um ótimo preparo físico e com certeza vão estar na disputa pelo primeiro lugar”. A entidade participa da competição desde 1999, ocasião em que Aranha, então jogador de basquete em cadeira de rodas, resolveu encarar os 15 quilômetros e faturou o primeiro posto. A partir daí ele não parou mais e venceu em 2002; 2003 e 2006.

A novidade deste ano é a participação de Ronílson, conhecido como índio pelos amigos, que debutará na tradicional prova usando um uhandcycle, triciclo onde o atleta deficiente utiliza as mãos para se locomover. O equipamento foi trazido dos Estados Unidos pela ADD em parceria com a Merrill Lynch e foi utilizado pela primeira vez na Prova Sargento Gonzaguinha, no último domingo (16).

"Será uma grande emoção. Para me preparar ainda mais, vou correr a 10k Rio 2007, nesse domingo, dia 23 de dezembro", conta o atleta que sofreu uma amputação em um dos membros superiores. A largada dos cadeirantes acontecerá às 15h15.

ADD na campanha Me Amarro Nessa Idéia

Esporte Adaptado · 20 jul, 2007

Fazer o bem para quem precisa é sempre bom. E a ADD - Associação Desportiva para Deficientes – uma das mais sérias ONG´s atuantes no segmento esportivo lançou a campanha Me Amarro Nessa Idéia.

A campanha é formada pela venda de um cadarço para ser usado na corrida na cor laranja e cuja renda será revertida para a instituição que não tem fins lucrativos e tem como proposta o desenvolvimento do portador de deficiência por meio do esporte adaptado.

Você pode encontrar o cadarço ADD por R$ 16,50 (2 pares) nas lojas Fast Runner.


ADD na campanha Me Amarro Nessa Idéia

Esporte Adaptado · 20 jul, 2007

Fazer o bem para quem precisa é sempre bom. E a ADD - Associação Desportiva para Deficientes – uma das mais sérias ONG´s atuantes no segmento esportivo lançou a campanha Me Amarro Nessa Idéia.

A campanha é formada pela venda de um cadarço para ser usado na corrida na cor laranja e cuja renda será revertida para a instituição que não tem fins lucrativos e tem como proposta o desenvolvimento do portador de deficiência por meio do esporte adaptado.

Você pode encontrar o cadarço ADD por R$ 16,50 (2 pares) nas lojas Fast Runner.

ADD lança exposição fotográfica

Esporte Adaptado · 08 set, 2004

A Associação Desportiva para Deficiente (ADD) lança no dia 15 de setembro a exposição fotográfica “Vencedores – a lição de Vida dos atletas da ADD”. Esta tem como objetivo retratar a superação dos atletas portadores de deficiência e difundir o esporte através das lentes do fotógrafo Érico Hiller.

As fotos ficarão expostas na estação CPTM do Brás, São Paulo, e depois passarão, por shoppings e galerias.


ADD lança exposição fotográfica

Esporte Adaptado · 08 set, 2004

A Associação Desportiva para Deficiente (ADD) lança no dia 15 de setembro a exposição fotográfica “Vencedores – a lição de Vida dos atletas da ADD”. Esta tem como objetivo retratar a superação dos atletas portadores de deficiência e difundir o esporte através das lentes do fotógrafo Érico Hiller.

As fotos ficarão expostas na estação CPTM do Brás, São Paulo, e depois passarão, por shoppings e galerias.