5 dicas para a reta final de preparação para a Maratona de Porto Alegre

Redação Webrun | Maratona · 23 maio, 2023

A Maratona Internacional de Porto Alegre está quase chegando. Quem está se preparando para a corrida, deve estar na fase final dos treinos de forte intensidade, que exigem bastante do corpo e da mente. Por isso, alguns cuidados podem ser tomados para garantir que tudo saia conforme o planejado.

5 dicas para a reta final de preparação para a Maratona de Porto Alegre

Foto: Divulgação

  1. Não deixe para testar o tênis no dia da prova

O tênis usado no dia da prova já deve estar “amaciado” e confortável no pé da pessoa. “Não é uma boa ideia mudar de tênis no dia”. Se a ideia é comprar um tênis novo, use ele nos treinamentos das semanas anteriores à prova para garantir que ele não vá provocar nenhum tipo de intercorrência durante a maratona”, alerta a fisioterapeuta da Care Club Porto Alegre, Isadora Pizzato.

 

  1. Ajuste a alimentação de acordo com a intensidade do treino

A nutricionista da Care Club Porto Alegre, Denise Entrudo, lembra que a alimentação deve sofrer alterações de acordo com a intensidade do treino. “Nos dias pré-longões e nos dias de longões, deve haver aumento de calorias, proteínas e carboidratos, além de ajustar a suplementação. A alimentação é o combustível para o treinamento, então ela precisa estar de acordo com as necessidades”, explica.

+ Siga o Webrun no Instagram!
+ Baixe agora o APP Ticket Sports e tenha um calendário de eventos esportivos na palma da sua mão!

  1. Use os treinamentos para experimentar os suplementos

Denise também recomenda que os atletas utilizem os treinamentos para testar todos os suplementos que a pessoa vai ingerir durante a prova. Afinal de contas, se algo der errado, este é o momento de corrigir.

 

  1. Invista no recovery

O recovery são técnicas combinadas que auxiliam na recuperação pós-exercício. O volume de treinamentos pode acabar sobrecarregando a musculatura e comprometendo a performance. “A fisioterapia entra como um aliado no sentido preventivo. Quando a musculatura está desgastada, é mais fácil sofrer lesões. Por isso, a recomendação é que os atletas utilizem o recovery como parte da sua estratégia para chegar no dia da prova nas melhores condições físicas possiveis”, afirma Isadora.

 

  1. Lembre-se de descansar

Muitas vezes negligenciado na correria do dia-a-dia, o descanso é parte fundamental da preparação para qualquer prova. “Quando a gente avalia um atleta, analisa diversos pontos que interferem no desempenho dele: da saúde intestinal ao sono. Se a pessoa faz a alimentação correta, treina bem, mas não descansa, o corpo acaba não se recuperando como deveria e isso pode interferir no treinamento”, conclui Denise.

Leia também:

 Dicas para escolher o tênis ideal para a sua corrida 

Redação Webrun

Ver todos os posts

Releases, matérias elaboradas em equipe e inspirações coletivas na produção de conteúdo!