tatoo

Juraci e suas tatuagens olímpicas

Corridas de Rua · 28 jul, 2008

São Paulo - (Isto é para sempre...) - Observando um bando de adolescentes com suas tatuagens e piercings, percebi o quanto fui pudico ao decidir fazer minha primeira tatuagem somente aos 35 anos de idade, que em cinco anos, ganharam a companhia de mais duas.

E tatoo representa muitas vezes a lembrança de uma paixão, ao menos no meu caso, tatuei minhas três grandes paixões: Webrun (meu filho), Bruna (minha filha) e Rush (minha banda predileta).

Assim, o Blog do Harry, abre esse espaço para você mostrar sua tatuagem esportiva, seja lá, qual for o esporte que você pratique.

E vamos começar em alto nível a série com a uma tatuagem feita na última semana, pelo triathleta olímpico Juraci Moreira Jr., que vai para sua terceira Olimpíada, daí, cada uma destas competições teve seu logotipo estampado no braço do atleta.

O legal da história é que a mãe do atleta, Rosi Cleia, no mesmo dia tatuou as argolas olímpicas com os dizeres “Meu Filho”, pagando a promessa caso Jura fosse convocado.

Você não precisa ser um atleta olímpico para mostrar sua paixão esportiva em forma de tatuagem, basta mandar um e-mail para [email protected] e enviar uma foto da tatuagem contando os motivos que o levaram a fazê-la.


Juraci e suas tatuagens olímpicas

Corridas de Rua · 28 jul, 2008

São Paulo - (Isto é para sempre...) - Observando um bando de adolescentes com suas tatuagens e piercings, percebi o quanto fui pudico ao decidir fazer minha primeira tatuagem somente aos 35 anos de idade, que em cinco anos, ganharam a companhia de mais duas.

E tatoo representa muitas vezes a lembrança de uma paixão, ao menos no meu caso, tatuei minhas três grandes paixões: Webrun (meu filho), Bruna (minha filha) e Rush (minha banda predileta).

Assim, o Blog do Harry, abre esse espaço para você mostrar sua tatuagem esportiva, seja lá, qual for o esporte que você pratique.

E vamos começar em alto nível a série com a uma tatuagem feita na última semana, pelo triathleta olímpico Juraci Moreira Jr., que vai para sua terceira Olimpíada, daí, cada uma destas competições teve seu logotipo estampado no braço do atleta.

O legal da história é que a mãe do atleta, Rosi Cleia, no mesmo dia tatuou as argolas olímpicas com os dizeres “Meu Filho”, pagando a promessa caso Jura fosse convocado.

Você não precisa ser um atleta olímpico para mostrar sua paixão esportiva em forma de tatuagem, basta mandar um e-mail para [email protected] e enviar uma foto da tatuagem contando os motivos que o levaram a fazê-la.