Georgia

Maratona da Georgia terá 25 pontos de água

Maratona · 27 fev, 2008

No dia 30 de março acontece nos Estados Unidos a edição 2008 da Maratona e Meia Maratona da Geórgia e os organizadores prometem caprichar na hidratação para que ninguém fique sem água. Ao todo são esperados cerca de 15 mil corredores, caminhantes e deficientes, que contarão com 25 postos de abastecimento.

“Esta temporada devemos enfrentar seca na Geórgia, mas os corredores nem vão sentir. Com a ajuda de patrocinadores corporativos, criamos vários locais novos no percurso para que as pessoas possam repor as energias e chegar até a linha de chegada”, comenta a diretora de prova Victoria Seahorn. Os postos estarão espalhados da segunda milha (quilômetro 1,8 aproximadamente) até a chegada, no Centennial Olympic Park.

Cada local contará com 40 a 50 voluntários e depois da prova os atletas poderão votar no melhor posto, que receberá 2.500 dólares para investir em alguma instituição de caridade. Todos contarão com água, vários terão repositor energético e dois contarão com gels energéticos, sendo que diversos deles serão compartilhados entre os participantes da prova principal e da meia.

A organização promete também efetuar diversas outras implementações na prova, como premiação especial para os melhores colocados que morem na Geórgia, em diversas categorias. “Nosso objetivo é promover a melhor maratona de primavera do país”, ressalta Victoria.


Maratona da Georgia terá 25 pontos de água

Maratona · 27 fev, 2008

No dia 30 de março acontece nos Estados Unidos a edição 2008 da Maratona e Meia Maratona da Geórgia e os organizadores prometem caprichar na hidratação para que ninguém fique sem água. Ao todo são esperados cerca de 15 mil corredores, caminhantes e deficientes, que contarão com 25 postos de abastecimento.

“Esta temporada devemos enfrentar seca na Geórgia, mas os corredores nem vão sentir. Com a ajuda de patrocinadores corporativos, criamos vários locais novos no percurso para que as pessoas possam repor as energias e chegar até a linha de chegada”, comenta a diretora de prova Victoria Seahorn. Os postos estarão espalhados da segunda milha (quilômetro 1,8 aproximadamente) até a chegada, no Centennial Olympic Park.

Cada local contará com 40 a 50 voluntários e depois da prova os atletas poderão votar no melhor posto, que receberá 2.500 dólares para investir em alguma instituição de caridade. Todos contarão com água, vários terão repositor energético e dois contarão com gels energéticos, sendo que diversos deles serão compartilhados entre os participantes da prova principal e da meia.

A organização promete também efetuar diversas outras implementações na prova, como premiação especial para os melhores colocados que morem na Geórgia, em diversas categorias. “Nosso objetivo é promover a melhor maratona de primavera do país”, ressalta Victoria.