campeonato mundial de meia maratona

Vanderlei Cordeiro será atração de ultramaratona em Brasília (DF)

Corridas de Rua · 24 maio, 2018

A Volta do Lago CAIXA comemora 15 anos em 2018 com uma edição repleta de surpresas. Entre elas, a participação de um dos atletas mais importantes na história do atletismo brasileiro, o maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima. Ele será padrinho […]


Vanderlei Cordeiro será atração de ultramaratona em Brasília (DF)

Corridas de Rua · 24 maio, 2018

A Volta do Lago CAIXA comemora 15 anos em 2018 com uma edição repleta de surpresas. Entre elas, a participação de um dos atletas mais importantes na história do atletismo brasileiro, o maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima. Ele será padrinho […]

Seis atletas representarão o Brasil no Mundial de Meia-Maratona

Meia Maratona · 27 set, 2005

Comandados pelo técnico Marco Antônio de Oliveira, o Marcão, a seleção brasileira, que representará o país no Campeonato Mundial de Meia-maratona, embarca amanhã para Edmonton, no Canadá, local onde acontece a disputa no próximo final de semana.

O Brasil será representado por seis atletas. No masculino Elson Gracioli, 31 anos, é o atleta que possui a melhor marca entre os convocados (1h05min24). Além dele, que corre pela equipe do Pão de Açúcar/BM&F, embarcam José Cícero Eloy, 31 anos (1h05min50) e José do Nascimento Souza (Cruzeiro), 26 anos, que marcou 1h06min para a distância dos 21.097m.

Já a equipe feminina terá Rosângela Farias (Pinheiros), 30 anos, que marcou este ano 1h16min27 na modalidade. Completam a equipe Rosa Jussara Barbosa, 30 anos,(1h17min)e Dione Chilleme (Pão de Açúcar/BM&F), 35 anos, cuja melhor performance este ano na distância de 10 milhas (16.090m) foi no tempo de 58min49s.


Seis atletas representarão o Brasil no Mundial de Meia-Maratona

Meia Maratona · 27 set, 2005

Comandados pelo técnico Marco Antônio de Oliveira, o Marcão, a seleção brasileira, que representará o país no Campeonato Mundial de Meia-maratona, embarca amanhã para Edmonton, no Canadá, local onde acontece a disputa no próximo final de semana.

O Brasil será representado por seis atletas. No masculino Elson Gracioli, 31 anos, é o atleta que possui a melhor marca entre os convocados (1h05min24). Além dele, que corre pela equipe do Pão de Açúcar/BM&F, embarcam José Cícero Eloy, 31 anos (1h05min50) e José do Nascimento Souza (Cruzeiro), 26 anos, que marcou 1h06min para a distância dos 21.097m.

Já a equipe feminina terá Rosângela Farias (Pinheiros), 30 anos, que marcou este ano 1h16min27 na modalidade. Completam a equipe Rosa Jussara Barbosa, 30 anos,(1h17min)e Dione Chilleme (Pão de Açúcar/BM&F), 35 anos, cuja melhor performance este ano na distância de 10 milhas (16.090m) foi no tempo de 58min49s.

Zersenay Tadesse é um dos destaques do Mundial de Meia

Meia Maratona · 22 set, 2005

O Campeonato Mundial de Meia Maratona, que será disputado no próximo dia 1° de outubro na cidade canadense de Edmonton, tem em seu field um atleta que se destaca dos demais. Trata-se de Zersenay Tadesse, da Eritréia, que é o atual medalha de bronze olímpico dos 10 mil metros.

No último domingo, dia 18, Tadesse venceu a Great North Run, em Newcastle, Inglaterra, fechando os 21.097m do percurso com o tempo de 59min05s, marca que seria o novo recorde mundial da modalidade se não fosse um detalhe. O "recorde" não foi homologado pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF) porque o percurso tem um desnível maior de que 1 metro por quilômetro o que favorece melhores performances.

Assim, o recorde mundial da meia-maratona continua a pertencer ao queniano Samuel Wanjiru, que no último dia 11, cravou a marca de 59:16 na segunda edição da Fortis Half Marathon Rotterdam, na Holanda.


Zersenay Tadesse é um dos destaques do Mundial de Meia

Meia Maratona · 22 set, 2005

O Campeonato Mundial de Meia Maratona, que será disputado no próximo dia 1° de outubro na cidade canadense de Edmonton, tem em seu field um atleta que se destaca dos demais. Trata-se de Zersenay Tadesse, da Eritréia, que é o atual medalha de bronze olímpico dos 10 mil metros.

No último domingo, dia 18, Tadesse venceu a Great North Run, em Newcastle, Inglaterra, fechando os 21.097m do percurso com o tempo de 59min05s, marca que seria o novo recorde mundial da modalidade se não fosse um detalhe. O "recorde" não foi homologado pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF) porque o percurso tem um desnível maior de que 1 metro por quilômetro o que favorece melhores performances.

Assim, o recorde mundial da meia-maratona continua a pertencer ao queniano Samuel Wanjiru, que no último dia 11, cravou a marca de 59:16 na segunda edição da Fortis Half Marathon Rotterdam, na Holanda.