ayrton senna

Ayrton Senna Racing Day celebra legado do tricampeão no dia 1º de maio

Eventos · 25 abr, 2024

O dia 1º de maio de 2024 será lembrado como uma data de celebração dos 30 anos do legado de Ayrton Senna no Brasil e no mundo. Em Interlagos, cenário de vitórias históricas do ídolo brasileiro, 10 mil pessoas vão […]


Ayrton Senna Racing Day celebra legado do tricampeão no dia 1º de maio

Eventos · 25 abr, 2024

O dia 1º de maio de 2024 será lembrado como uma data de celebração dos 30 anos do legado de Ayrton Senna no Brasil e no mundo. Em Interlagos, cenário de vitórias históricas do ídolo brasileiro, 10 mil pessoas vão […]

ASICS e Marca Senna lançam nova collab do GEL-Cumulus Senna baseada na primeira escuderia do piloto na Fórmula 1

Lançamento · 12 jul, 2023

ASICS e marca Senna anunciam o lançamento da nova edição do GEL-Cumulus Senna para homenagear o tricampeão mundial Ayrton Senna. Com tecnologia do GEL-Cumulus 24 SE, as cores escolhidas foram o azul marinho para o cabedal e o vermelho para os […]


ASICS e Marca Senna lançam nova collab do GEL-Cumulus Senna baseada na primeira escuderia do piloto na Fórmula 1

Lançamento · 12 jul, 2023

ASICS e marca Senna anunciam o lançamento da nova edição do GEL-Cumulus Senna para homenagear o tricampeão mundial Ayrton Senna. Com tecnologia do GEL-Cumulus 24 SE, as cores escolhidas foram o azul marinho para o cabedal e o vermelho para os […]

14ª Ayrton Senna Racing Day leva corredores para acelerarem em Interlagos

Bem Estar · 09 out, 2017

O Autódromo de Interlagos recebeu neste domingo (8), a 14ª edição da Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day, evento que permite aos atletas vivenciarem a experiência de correr no mesmo local em que seu ídolo conquistou vitórias inesquecíveis. A […]


14ª Ayrton Senna Racing Day leva corredores para acelerarem em Interlagos

Bem Estar · 09 out, 2017

O Autódromo de Interlagos recebeu neste domingo (8), a 14ª edição da Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day, evento que permite aos atletas vivenciarem a experiência de correr no mesmo local em que seu ídolo conquistou vitórias inesquecíveis. A […]

Ayrton Senna Racing Day acontece em SP e DF

Maratona · 04 jun, 2008

A Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day, competição em homenagem ao tricampeão de Fórmula 1, esse ano contará com duas edições, uma em São Paulo (16 de novembro) e outra em Brasília (19 de outubro). Enquanto na capital paulista os corredores participarão da quinta edição do evento, a capital federal receberá a prova pela primeira vez.

As equipes poderão ser formadas por dois, quatro, ou oito atletas, e cada corredor deve cumprir uma etapa da prova, que terá um total de 42,2 quilômetros de percurso. Em São Paulo o evento acontecerá no Autódromo de Interlagos e em Brasília será realizado no Autódromo Internacional de Brasília.

O evento terá também um cunho social, já que parte das inscrições será revertida para os programas educacionais desenvolvidos pelo Instituto Ayrton Senna, que em 14 anos de existência já atendeu mais de 7,5 milhões de crianças e jovens em todo o Brasil. Ambas as provas largam às 8h e as inscrições estarão disponíveis a partir de julho no site www.ayrtonsennaracingday.com.br.


Ayrton Senna Racing Day acontece em SP e DF

Maratona · 04 jun, 2008

A Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day, competição em homenagem ao tricampeão de Fórmula 1, esse ano contará com duas edições, uma em São Paulo (16 de novembro) e outra em Brasília (19 de outubro). Enquanto na capital paulista os corredores participarão da quinta edição do evento, a capital federal receberá a prova pela primeira vez.

As equipes poderão ser formadas por dois, quatro, ou oito atletas, e cada corredor deve cumprir uma etapa da prova, que terá um total de 42,2 quilômetros de percurso. Em São Paulo o evento acontecerá no Autódromo de Interlagos e em Brasília será realizado no Autódromo Internacional de Brasília.

O evento terá também um cunho social, já que parte das inscrições será revertida para os programas educacionais desenvolvidos pelo Instituto Ayrton Senna, que em 14 anos de existência já atendeu mais de 7,5 milhões de crianças e jovens em todo o Brasil. Ambas as provas largam às 8h e as inscrições estarão disponíveis a partir de julho no site www.ayrtonsennaracingday.com.br.

Atletas encontram percurso duro no Ayrton Senna

Maratona · 28 out, 2007

Na manhã deste domingo cerca de cinco mil atletas estiveram presentes no autódromo de Interlagos, em São Paulo, para participar da quarta edição da Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day. Confira a opinião de alguns amadores sobre a prova.

São Paulo - Subidas e descidas complicadas, curvas acentuadas e muito calor compuseram o cenário na pista do Autódromo José Carlos Pace, que hoje deu lugar a uma corrida pedestre, em vez das tradicionais disputas de automóveis. Ao todo se inscreveram 72 equipes de dois atletas, 288 de quatro e 551 de oito e cada integrante foi responsável por correr um trecho.

O estreante em corridas de rua, Diego Bueno, escolheu um dos percursos mais complicados de São Paulo para sua primeira prova, mas aprovou a experiência. “Eu achei legal, tinha bastante água no trajeto e me dei bem. Pretendo participar de outras provas”. Ao ser perguntado se ele se sentiu como o Felipe Massa, acelerando na pista, ele foi enfático na resposta. “Parecia mais o Rubinho”. Diego era integrante da equipe F1 Racing, revista especializada em automobilismo.

Anderson da Silva Santos, atleta que corre pela ADD (Associação Desportiva para Deficientes), chegou um tanto quanto ofegante no Box e, como a organização não disponibilizou água nas áreas de troca, ele teve que recorrer à torneira para se refrescar. “Eu corro de vez em quando, hoje gostei, foi bem legal”.

Dificuldades - A maioria dos presentes aprovou o percurso, mesmo com dificuldades na parte final, como é o caso do cadeirante Diego Madeira, que correu duas voltas e ainda queria mais. “Eu queria correr mais uma, mas não deixaram. Para mim esta foi a melhor prova do ano, a subida antes da reta é meio complicada, mas sem comparação com a Brigadeiro Luiz Antônio, na São Silvestre”. Segundo ele, o complicado é não deixar a cadeira descer na subida, o que acaba prejudicando o tempo final.

Para Renata Lauan a dificuldade maior foi o calor, mesmo acostumada com as altas temperaturas de Brasília, cidade onde morava. “O percurso também foi complicado, principalmente na última subida e no trecho final, depois onde você acha que já acabou, mas ainda tem que voltar”, comenta sobre o fato de os atletas terem que subir a reta dos boxes e depois fazer o retorno para acessar a área de transição.

Já as meninas da Grand Hyatt São Paulo, vieram com uma equipe grande e gostaram de correr. “Estava muito quente, então a prova foi puxada, mas conseguimos completar e foi bem legal”, comenta Roberta Almeida. “A prova foi difícil, principalmente devido à ultima subida, mas consegui terminar e foi gratificante”, ressalta Ticiana Studart. Por fim, Marina Boturão ratifica as palavras das amigas. “A prova é dura, mas depois de terminar você fica feliz”.

Esta foi a quarta edição da prova, que reuniu cerca de mil corredores a mais do que a edição do ano passado. Parte da renda será revertida para os projetos sociais do Instituto Ayrton Senna, que promove ações sociais com crianças e adolescentes carentes.


Atletas encontram percurso duro no Ayrton Senna

Maratona · 28 out, 2007

Na manhã deste domingo cerca de cinco mil atletas estiveram presentes no autódromo de Interlagos, em São Paulo, para participar da quarta edição da Maratona de Revezamento Ayrton Senna Racing Day. Confira a opinião de alguns amadores sobre a prova.

São Paulo - Subidas e descidas complicadas, curvas acentuadas e muito calor compuseram o cenário na pista do Autódromo José Carlos Pace, que hoje deu lugar a uma corrida pedestre, em vez das tradicionais disputas de automóveis. Ao todo se inscreveram 72 equipes de dois atletas, 288 de quatro e 551 de oito e cada integrante foi responsável por correr um trecho.

O estreante em corridas de rua, Diego Bueno, escolheu um dos percursos mais complicados de São Paulo para sua primeira prova, mas aprovou a experiência. “Eu achei legal, tinha bastante água no trajeto e me dei bem. Pretendo participar de outras provas”. Ao ser perguntado se ele se sentiu como o Felipe Massa, acelerando na pista, ele foi enfático na resposta. “Parecia mais o Rubinho”. Diego era integrante da equipe F1 Racing, revista especializada em automobilismo.

Anderson da Silva Santos, atleta que corre pela ADD (Associação Desportiva para Deficientes), chegou um tanto quanto ofegante no Box e, como a organização não disponibilizou água nas áreas de troca, ele teve que recorrer à torneira para se refrescar. “Eu corro de vez em quando, hoje gostei, foi bem legal”.

Dificuldades - A maioria dos presentes aprovou o percurso, mesmo com dificuldades na parte final, como é o caso do cadeirante Diego Madeira, que correu duas voltas e ainda queria mais. “Eu queria correr mais uma, mas não deixaram. Para mim esta foi a melhor prova do ano, a subida antes da reta é meio complicada, mas sem comparação com a Brigadeiro Luiz Antônio, na São Silvestre”. Segundo ele, o complicado é não deixar a cadeira descer na subida, o que acaba prejudicando o tempo final.

Para Renata Lauan a dificuldade maior foi o calor, mesmo acostumada com as altas temperaturas de Brasília, cidade onde morava. “O percurso também foi complicado, principalmente na última subida e no trecho final, depois onde você acha que já acabou, mas ainda tem que voltar”, comenta sobre o fato de os atletas terem que subir a reta dos boxes e depois fazer o retorno para acessar a área de transição.

Já as meninas da Grand Hyatt São Paulo, vieram com uma equipe grande e gostaram de correr. “Estava muito quente, então a prova foi puxada, mas conseguimos completar e foi bem legal”, comenta Roberta Almeida. “A prova foi difícil, principalmente devido à ultima subida, mas consegui terminar e foi gratificante”, ressalta Ticiana Studart. Por fim, Marina Boturão ratifica as palavras das amigas. “A prova é dura, mas depois de terminar você fica feliz”.

Esta foi a quarta edição da prova, que reuniu cerca de mil corredores a mais do que a edição do ano passado. Parte da renda será revertida para os projetos sociais do Instituto Ayrton Senna, que promove ações sociais com crianças e adolescentes carentes.

Veja como foi o Revezamento Ayrton Senna

Maratona · 28 out, 2007

Na manhã deste domingo o autódromo de Interlagos recebeu a quarta edição da Ayrton Senna Racing Day, tradicional maratona de revezamento paulista e que teve vitória das equipes Yara Coltro/ Ironman Assessoria Esportiva e VO2/ Stefanini nas categorias geral masculina e feminina. Confira como foi o evento que contou com cerca de cinco mil participantes.

São Paulo - Há exatos sete dias o circo da fórmula 1 encerrava a temporada no autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, mas neste domingo o ronco dos motores deu lugar ao som dos pés dos atletas batendo contra o asfalto. O dia amanheceu ensolarado, mas às 8h, ocasião em que foi dada a largada, uma fraca névoa encobria o céu paulistano.

Os corredores, divididos em equipes de dois, quatro, ou oito integrantes, largaram da saída dos boxes para percorrer os 42,2 quilômetros de percurso, o equivalente a aproximadamente oito voltas no autódromo. O destaque na linha de frente era Marcus Vinicius do Santos, que desde o primeiro ano faz uma participação especial vestido com uma réplica do macacão de Ayrton Senna e uma bandeira do Brasil comemorativa.

“Eu sempre faço a largada e o ‘S’ caracterizado e depois paro, até porque o macacão é muito pesado para correr. A bandeira de hoje é uma homenagem às vitórias de Mônaco, sou fanático pelo Ayrton e mesmo depois da morte dele continuo a acompanhar a Fórmula 1”, comenta Marcus, que torceu pelo título de Hamilton este ano e esperava uma vitória de Felipe Massa em casa.

Disputas - Depois da largada o que se viu foi uma briga na pista entre as equipes masculinas Yara Coltro e Faculdades Faceq e VO2/ Stefanini e a versão feminina da Faculdades Faceq entre as mulheres. Enquanto as equipes de elite brigavam pelos primeiros postos, a área dos boxes começava a ficar cada vez mais cheia, pois as centenas de equipes começavam seus revezamentos.

Após a metade da prova o sol começou a brilhar mais forte e complicou a vida dos corredores, já que quase não há sombra no percurso. A todo o momento o locutor Tom Carbaggio lembrava a todos a importância de se hidratar nos postos de água e isotônico do percurso.

Com o tempo total de 2h21min28, a primeira equipe masculina a cruzar foi a Yara Coltro, com o atleta Jaílson Araújo, que cortou a fita ao som do “Tema da Vitória”, tradicional música tocada nas transmissões da Tv globo durante as vitórias de Senna. “Tivemos uma dificuldade, pois um dos nossos atletas teve uma contratura e chegamos a ficar 2min40 atrás dos líderes, mas conseguimos nos recuperar e vencer”, ressalta Jaílson.

A segunda equipe foi a Faceq, que fechou com um tempo total de 2h21min43, com o atleta Bernardo Alves da Silva, que achou o percurso um pouco complicado. “Estava há algum tempo sem treinar, vim de última hora, mas foi uma prova bem disputada. Foi ótima”. As duas primeiras equipes eram formadas por oito atletas, enquanto a terceira colocada, Tortuga, era um quarteto, que marcou 2h56min56.

Já entre as mulheres, a VO2 Stefanini fechou o percurso em primeiro lugar, com o tempo de 2h55min28, seguida pela versão feminina da Faceq, com 3h18min18 e pela Youngers Academia, com 3h26min45. A atleta que fechou o trajeto para a Stefanini foi Olívia Fernandes, que sofreu um pouco com o calor. “A primeira volta que eu dei foi boa, mas na última estava quente, mas foi ótimo. Fechamos a primeira volta em segundo, mas pegamos a liderança na segunda e mantivemos até o final”, ressalta a atleta de 16 anos.

Já Iracema Pereira da Costa, que fechou o revezamento para a Faceq, chegou muito animada.“Esta corrida é ótima, o Tema da vitória é vibrante, faz lembrar o Senna mesmo. A prova foi muito boa, não achei o percurso complicado”. Ela completou 55 anos no último sábado e diz que o segundo lugar foi um ótimo presente.

Parte da renda obtida no evento será destinada a projetos educacionais promovidos pelo Instituto Ayrton Senna, que há 13 anos oferece ajuda a crianças e adolescentes. Segundo Viviane Senna, presidente do Instituto, a prova é importante no quesito saúde, entretenimento, motivação corporativa, além da questão social. “Todos que correram aqui ajudaram crianças a vencer a grande prova da vida”, completa.


Veja como foi o Revezamento Ayrton Senna

Maratona · 28 out, 2007

Na manhã deste domingo o autódromo de Interlagos recebeu a quarta edição da Ayrton Senna Racing Day, tradicional maratona de revezamento paulista e que teve vitória das equipes Yara Coltro/ Ironman Assessoria Esportiva e VO2/ Stefanini nas categorias geral masculina e feminina. Confira como foi o evento que contou com cerca de cinco mil participantes.

São Paulo - Há exatos sete dias o circo da fórmula 1 encerrava a temporada no autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, mas neste domingo o ronco dos motores deu lugar ao som dos pés dos atletas batendo contra o asfalto. O dia amanheceu ensolarado, mas às 8h, ocasião em que foi dada a largada, uma fraca névoa encobria o céu paulistano.

Os corredores, divididos em equipes de dois, quatro, ou oito integrantes, largaram da saída dos boxes para percorrer os 42,2 quilômetros de percurso, o equivalente a aproximadamente oito voltas no autódromo. O destaque na linha de frente era Marcus Vinicius do Santos, que desde o primeiro ano faz uma participação especial vestido com uma réplica do macacão de Ayrton Senna e uma bandeira do Brasil comemorativa.

“Eu sempre faço a largada e o ‘S’ caracterizado e depois paro, até porque o macacão é muito pesado para correr. A bandeira de hoje é uma homenagem às vitórias de Mônaco, sou fanático pelo Ayrton e mesmo depois da morte dele continuo a acompanhar a Fórmula 1”, comenta Marcus, que torceu pelo título de Hamilton este ano e esperava uma vitória de Felipe Massa em casa.

Disputas - Depois da largada o que se viu foi uma briga na pista entre as equipes masculinas Yara Coltro e Faculdades Faceq e VO2/ Stefanini e a versão feminina da Faculdades Faceq entre as mulheres. Enquanto as equipes de elite brigavam pelos primeiros postos, a área dos boxes começava a ficar cada vez mais cheia, pois as centenas de equipes começavam seus revezamentos.

Após a metade da prova o sol começou a brilhar mais forte e complicou a vida dos corredores, já que quase não há sombra no percurso. A todo o momento o locutor Tom Carbaggio lembrava a todos a importância de se hidratar nos postos de água e isotônico do percurso.

Com o tempo total de 2h21min28, a primeira equipe masculina a cruzar foi a Yara Coltro, com o atleta Jaílson Araújo, que cortou a fita ao som do “Tema da Vitória”, tradicional música tocada nas transmissões da Tv globo durante as vitórias de Senna. “Tivemos uma dificuldade, pois um dos nossos atletas teve uma contratura e chegamos a ficar 2min40 atrás dos líderes, mas conseguimos nos recuperar e vencer”, ressalta Jaílson.

A segunda equipe foi a Faceq, que fechou com um tempo total de 2h21min43, com o atleta Bernardo Alves da Silva, que achou o percurso um pouco complicado. “Estava há algum tempo sem treinar, vim de última hora, mas foi uma prova bem disputada. Foi ótima”. As duas primeiras equipes eram formadas por oito atletas, enquanto a terceira colocada, Tortuga, era um quarteto, que marcou 2h56min56.

Já entre as mulheres, a VO2 Stefanini fechou o percurso em primeiro lugar, com o tempo de 2h55min28, seguida pela versão feminina da Faceq, com 3h18min18 e pela Youngers Academia, com 3h26min45. A atleta que fechou o trajeto para a Stefanini foi Olívia Fernandes, que sofreu um pouco com o calor. “A primeira volta que eu dei foi boa, mas na última estava quente, mas foi ótimo. Fechamos a primeira volta em segundo, mas pegamos a liderança na segunda e mantivemos até o final”, ressalta a atleta de 16 anos.

Já Iracema Pereira da Costa, que fechou o revezamento para a Faceq, chegou muito animada.“Esta corrida é ótima, o Tema da vitória é vibrante, faz lembrar o Senna mesmo. A prova foi muito boa, não achei o percurso complicado”. Ela completou 55 anos no último sábado e diz que o segundo lugar foi um ótimo presente.

Parte da renda obtida no evento será destinada a projetos educacionais promovidos pelo Instituto Ayrton Senna, que há 13 anos oferece ajuda a crianças e adolescentes. Segundo Viviane Senna, presidente do Instituto, a prova é importante no quesito saúde, entretenimento, motivação corporativa, além da questão social. “Todos que correram aqui ajudaram crianças a vencer a grande prova da vida”, completa.

Esportistas de outras modalidades vão ao Ayrton Senna Race Day

Maratona · 27 out, 2007

A Maratona de Revezamento Ayrton Senna Race Day acontece no domingo (28) e deve reunir importantes nomes do esporte brasileiro. Segundo os organizadores, estarão presentes no evento: o jogador de vôlei de praia, Emanuel, o velocista Claudinei Quirino, o praticante de taekwondo Diego Silva e também as jogadoras de vôlei Ana Moser e Ida.

A prova deve reunir cerca de cinco mil pessoas num total de 72 equipes formadas por dois corredores, 288 de quatro e 551 de oito atletas. Cada participante tem o objetivo de cumprir uma etapa da prova, de acordo com o número de atletas de sua equipe. São 42,2 km de percurso, o equivalente a aproximadamente oito voltas no Autódromo de Interlagos em São Paulo, palco da Fórmula 1.

A largada da prova está prevista para às 8h. O kit atleta deve ser retirado até hoje (27) exclusivamente na Loja Fast Runner unidade de Moema das 10 às 17h. Esta fica na alameda dos Arapanés, 197, São Paulo.


Esportistas de outras modalidades vão ao Ayrton Senna Race Day

Maratona · 27 out, 2007

A Maratona de Revezamento Ayrton Senna Race Day acontece no domingo (28) e deve reunir importantes nomes do esporte brasileiro. Segundo os organizadores, estarão presentes no evento: o jogador de vôlei de praia, Emanuel, o velocista Claudinei Quirino, o praticante de taekwondo Diego Silva e também as jogadoras de vôlei Ana Moser e Ida.

A prova deve reunir cerca de cinco mil pessoas num total de 72 equipes formadas por dois corredores, 288 de quatro e 551 de oito atletas. Cada participante tem o objetivo de cumprir uma etapa da prova, de acordo com o número de atletas de sua equipe. São 42,2 km de percurso, o equivalente a aproximadamente oito voltas no Autódromo de Interlagos em São Paulo, palco da Fórmula 1.

A largada da prova está prevista para às 8h. O kit atleta deve ser retirado até hoje (27) exclusivamente na Loja Fast Runner unidade de Moema das 10 às 17h. Esta fica na alameda dos Arapanés, 197, São Paulo.

Ayrton Senna Racing Day tem inscrição prorrogada

Maratona · 16 out, 2007


No próximo dia 28 acontece em São Paulo a quarta edição da Ayrton Senna Racing Day, maratona de revezamento em homenagem ao tricampeão de fórmula 1, Ayrton Senna da Silva. As inscrições foram prorrogadas e podem ser feitas até o dia 23.

O evento será realizado no Autódromo de Interlagos uma semana após a disputa do GP Brasil de Fórmula 1, o que certamente dará aos corredores a sensação de sentir o espírito da prova automobilística. Poderão participar equipes de dois, quatro ou oito corredores, divididos em equipes masculinas, femininas, ou mistas.

O percurso será de aproximadamente oito voltas, num total de 42,2 quilômetros, onde cada atleta percorrerá uma etapa da prova, de acordo com o número de integrantes da equipe. Para efetivar a inscrição, é necessário pagar a taxa de R$ 50 por pessoa e preencher o formulário no site oficial, o www.ayrtonsennaracingday.com.br.

Os corredores terão ainda mais um benefício para chegar ao local da competição, já que nesta quarta-feira será inaugurada a Estação Autódromo da CPTM, interligada à linha C, primeira a ser entregue no trecho entre Jurubatuba e Grajaú. Como a estação não se conecta diretamente às linhas vermelha, verde e azul do metrô, vans fazem o serviço de Ponte Orca e os horários podem ser consultados no site www.cptm.sp.gov.br.


Ayrton Senna Racing Day tem inscrição prorrogada

Maratona · 16 out, 2007


No próximo dia 28 acontece em São Paulo a quarta edição da Ayrton Senna Racing Day, maratona de revezamento em homenagem ao tricampeão de fórmula 1, Ayrton Senna da Silva. As inscrições foram prorrogadas e podem ser feitas até o dia 23.

O evento será realizado no Autódromo de Interlagos uma semana após a disputa do GP Brasil de Fórmula 1, o que certamente dará aos corredores a sensação de sentir o espírito da prova automobilística. Poderão participar equipes de dois, quatro ou oito corredores, divididos em equipes masculinas, femininas, ou mistas.

O percurso será de aproximadamente oito voltas, num total de 42,2 quilômetros, onde cada atleta percorrerá uma etapa da prova, de acordo com o número de integrantes da equipe. Para efetivar a inscrição, é necessário pagar a taxa de R$ 50 por pessoa e preencher o formulário no site oficial, o www.ayrtonsennaracingday.com.br.

Os corredores terão ainda mais um benefício para chegar ao local da competição, já que nesta quarta-feira será inaugurada a Estação Autódromo da CPTM, interligada à linha C, primeira a ser entregue no trecho entre Jurubatuba e Grajaú. Como a estação não se conecta diretamente às linhas vermelha, verde e azul do metrô, vans fazem o serviço de Ponte Orca e os horários podem ser consultados no site www.cptm.sp.gov.br.

Inscrições abertas para Ayrton Senna Racing Day

Maratona · 28 set, 2007

Já estão abertas as inscrições para a quarta edição do Ayrton Senna Racing Day, maratona de revezamento em homenagem ao tricampeão mundial de Fórmula 1. A prova acontece no dia 28 de outubro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Podem participar da competição equipes de dois, quatro ou oito atletas. Ao todo cada equipe terá que completar 42,2 quilômetros de prova num percurso com muitas subidas e descidas. De acordo com os organizadores, a última edição do Revezamento reuniu quatro mil atletas e para esse ano são esperados cinco mil.

As inscrições para a prova já estão abertas e podem ser feitas no site oficial da competição: www.ayrtonsennaracingday.com.br , ou nas lojas Fast Runner até o dia 19 de outubro. Cada inscrição custa R$50. Parte do valor das inscrições será revertido para o Instituo Ayrton Senna.


Inscrições abertas para Ayrton Senna Racing Day

Maratona · 28 set, 2007

Já estão abertas as inscrições para a quarta edição do Ayrton Senna Racing Day, maratona de revezamento em homenagem ao tricampeão mundial de Fórmula 1. A prova acontece no dia 28 de outubro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Podem participar da competição equipes de dois, quatro ou oito atletas. Ao todo cada equipe terá que completar 42,2 quilômetros de prova num percurso com muitas subidas e descidas. De acordo com os organizadores, a última edição do Revezamento reuniu quatro mil atletas e para esse ano são esperados cinco mil.

As inscrições para a prova já estão abertas e podem ser feitas no site oficial da competição: www.ayrtonsennaracingday.com.br , ou nas lojas Fast Runner até o dia 19 de outubro. Cada inscrição custa R$50. Parte do valor das inscrições será revertido para o Instituo Ayrton Senna.

Ayrton Senna Racing Day será em 28 de outubro

Maratona · 21 mar, 2007

A quarta edição da Ayrton Senna Racing Day está confirmada para o dia 28 de outubro, no Autódromo de Interlagos, São Paulo, palco de muitas disputas e de algumas vitórias do tricampeão de fórmula 1. Nessa prova os corredores têm a oportunidade de vivenciar um pouco da emoção de do glamour da competição mais badalada do automobilismo mundial.

A competição será disputada por equipes masculinas e femininas formadas por dois, quatro, ou oito atletas, num sistema de revezamento em que cada um deve cumprir uma etapa dos 42,2 quilômetros (cerca de oito voltas no circuito). O evento também contará com um cunho social, pois parte dos recursos arrecadados nas inscrições será destinado para os programas educacionais desenvolvidos pelo Instituto Ayrton Senna.

A largada está prevista para às 8h e o autódromo se localiza na Avenida Senador Teotônio Vilela, 267, em Interlagos, São Paulo. Em breve a organização informará todos os detalhes sobre as inscrições para o evento.


Ayrton Senna Racing Day será em 28 de outubro

Maratona · 21 mar, 2007

A quarta edição da Ayrton Senna Racing Day está confirmada para o dia 28 de outubro, no Autódromo de Interlagos, São Paulo, palco de muitas disputas e de algumas vitórias do tricampeão de fórmula 1. Nessa prova os corredores têm a oportunidade de vivenciar um pouco da emoção de do glamour da competição mais badalada do automobilismo mundial.

A competição será disputada por equipes masculinas e femininas formadas por dois, quatro, ou oito atletas, num sistema de revezamento em que cada um deve cumprir uma etapa dos 42,2 quilômetros (cerca de oito voltas no circuito). O evento também contará com um cunho social, pois parte dos recursos arrecadados nas inscrições será destinado para os programas educacionais desenvolvidos pelo Instituto Ayrton Senna.

A largada está prevista para às 8h e o autódromo se localiza na Avenida Senador Teotônio Vilela, 267, em Interlagos, São Paulo. Em breve a organização informará todos os detalhes sobre as inscrições para o evento.