MARATÓN DE MONTEVIDEO

Corrida de Rua · ,

2020-04-19 -
O Ironman Brasil é a maior prova de triathlon da América Latina. São 3 8 km de natação  180 2 km de ciclismo e 42 2 km de corrida (foto: Cassio Roosevelt/Asics)
O Ironman Brasil é a maior prova de triathlon da América Latina. São 3 8 km de natação 180 2 km de ciclismo e 42 2 km de corrida (foto: Cassio Roosevelt/Asics)

Encarar 3,8 quilômetros de natação, 180,2 quilômetros de ciclismo e 42,2 quilômetros de corrida no Ironman, requer treino, paciência, foco e muito esforço. Porém, tudo isso pode ir por água abaixo se o atleta não fizer uma alimentação equilibrada antes, durante e depois da prova.

É difícil conseguir se concentrar na comida quando o espírito de competição está à flor da pele. Porém, se alimentar direito durante a prova pode aumentar o rendimento, diminuir lesões e impedir que haja desidratação.

<a href=/triathlon/n/descubra-como-manter-uma-boa-alimentacao-pre-prova-para-o-ironman/14724 target=_blankDescubra como manter uma boa alimentação pré-prova para o Ironman

“Assim que chegar da natação, após tirar a roupa e chegar à transição, deve ser ingerido 250mL de água ou bebida esportiva, a qual deve estar pronta junto à bike do competidor”, orienta a nutricionista Joyce Nunes de Oliveira. Depois de montar na bike, a instrução é para consumir barras energéticas e bebidas esportivas, além de manter o índice de sódio com cápsulas de sal.

De acordo com a nutricionista, o corpo do atleta que está em constante atividade precisa de 500 mililitros de água por hora. “É preferível que o atleta consuma alimentos naturais antes da prova e que mantenha a alimentação com produtos industrializados no percurso”, orienta a nutricionista.

Aproveite o trecho de ciclismo para comer barras energéticas. Foto: Rafaela Castilho/ Webrun
Aproveite o trecho de ciclismo para comer barras energéticas. Foto: Rafaela Castilho/ Webrun

Joyce também sugere que os atletas guardem seus estoques de gel de carboidrato para a corrida. “É mais difícil o competidor ingerir e mastigar os alimentos enquanto corre. Portanto, a melhor alternativa é guardar os géis para a corrida, que deve sempre ser ingerido com água para evitar enjôos, náuseas e mal estar.

<a href=/triathlon/n/conheca-os-triatletas-que-fizeram-historia-no-ironman-brasil/14663/plk/Cobertura_Ironman_2013 target=_blankConheça os triatletas que fizeram história no Ironman Brasil

Caso o competidor tenha sinais de tontura, ânsia de vomito e fraqueza generalizada é sinal que está desidratado ou com a taxa de açúcar muito baixa (hipoglicemia). “Neste caso, bebidas com alta concentração de açúcar poderão corrigir este mal estar elevando o açúcar no sangue, ajudando-o a continuar a prova. Numa situação de sede extrema deve-se preferir a água e depois outro tipo de bebida com alguma mistura”, explica.

É importante ressaltar que todas as águas e bebidas esportivas oferecidas durante o percurso devem ser aproveitadas.

Este texto foi escrito por: Rafaela Castilho