Campeão olímpico e mundial dos 1.500 é ‘pego no doping’

Asbel Kiprop, o queniano campeão olímpico e tricampeão mundial dos 1.500 teve como resultado positivo um teste de EPO

Christina Volpe | Doping · 02 maio, 2018

Asbel Kiprop, o queniano campeão olímpico e tricampeão mundial dos 1.500 teve como resultado positivo um teste de EPO. A IAAF ainda não publicou uma nota de confirmação, porém seu agente, Frederico Rosa, ‘ouvira o mesmo rumor e estava em busca da veracidade’.

Se a confirmação vier isso seria um grande golpe para o atletismo, bem como para o Quênia Foto: Divulgação Facebook

Se a confirmação vier isso seria um grande golpe para o atletismo, bem como para o Quênia Foto: Divulgação Facebook

O atleta acredita que haja um erro na informação, ao mesmo tempo que fontes esportivas de alto nível confirmaram a diversos sites estrangeiros publicaram que o queniano falhou em um teste fora de competição. “Li diversas matérias em que o doping estava ligado a mim, porém como atleta sempre estive à frente da luta contra isso, no Quênia. Não quero arruinar tudo que construí desde minha primeira competição em 2007”,  diz Kiprop.

Se a confirmação vier isso seria um grande golpe para o atletismo, bem como para o Quênia, já que no ano passado a última campeã olímpica dos 42km, da maratona de Londres e também da São Silvestre, a atleta Jemima Sumgong, foi pega e banida por quatro anos.

Kiprop que tem a quinta melhor marca e é o terceiro melhor de todos os tempos na distância, entraria em uma lista de mais de 40 quenianos que tiveram resultado positivo para substância proibidas nos últimos cinco anos.

Inscreva-se para a Blumenau 10k. Clique aqui!

Um relatório no Quênia divulgado nesta terça (1º) afirmou que um “corredor de alto nível” que “domina campeonatos mundiais ao longo dos anos” está envolvido em um escândalo de doping.

Christina Volpe

Ver todos os posts

Comecei como corredora, depois me tornei jornalista e repórter do Webrun. Hoje sou editora e convivo diariamente com o esporte há 3 anos. Meu coração bate mais forte toda vez que um atleta conquista seu objetivo, uma corrida acontece e assisto uma competição emocionante. Sempre estou aprendendo e dando meu melhor.

 
 

Outras deste autor